Boas Práticas – MMR 2018

Boas Práticas – MMR

Escolas Estaduais Osasco – 2018

     Esta iniciativa representa uma importante forma de valorização do trabalho realizado nas Escolas, tanto pelas equipes gestoras, como pelo corpo docente, com vistas à melhoria contínua dos resultados educacionais, em benefício dos alunos que compõem esta Rede, com possibilidade de servir como elemento motivador para outras iniciativas positivas.

 

UNIDADE
TÍTULO
Diretoria de Ensino Região Osasco
01
E.E. ALCYR DE OLIVEIRA PORCIÚNCULA,PROF.
Implantar o Projeto leitura diária para os alunos dos anos finais do ensino fundamental
02
E. E. ALICE VELHO TEIXEIRA, PROF
Nivelamento das habilidades não desenvolvidas e aprimoramento das habilidades linguísticas
03
E. E. AMÉRICO MARCO ANTONIO, DR.
Implementar uma produção textual mensal como atividade diagnóstica para trabalhar os vários níveis de linguagem
04
E. E. ANTONIO BRÁZ GAMBARINI, DR.
Conscientizar o aluno que o ambiente escolar é um espaço onde se processa o ensino aprendizado
05
E. E. ANTONIO CARLOS DA TRINDADE
Realizar leituras de textos, por parte de todos os professores, considerando a interdisciplinaridade
06
E. E. ANTONIO DE ALMEIDA JUNIOR
Intensificar atividades lúdicas para serem realizadas junto com o programa escola da família nos finais de semana
07
E. E. ANTONIO PAIVA DE SAMPAIO, CEL.
Realizando a Semana da Leitura e seus gêneros na escola – Organizando uma Feira do Livro na Unidade Escolar
08
E. E. ANTONIO RAPOSO TAVARES (CENEART)
Realizar atividades que contemplem a participação da família no desenvolvimento de exercícios sobre Grandezas e Medidas, com alunos dos 6ºs e 7ºs anos
09
E. E. ARMANDO GABAN, PROF.
Realizar atividades voltadas ao protagonismo juvenil aproximando o aluno das aulas
10
E. E. AURELIANO LEITE, DR.
Desenvolver atividades votadas para leitura e escrita, abrangendo todas as disciplinas do currículo
11
E. E. BENEDITO CALDEIRA, PROF.
Aula de leitura e interpretação – Língua Portuguesa – 8º Ano Ensino Fundamental II
12
E. E. CLAUDINEI GARCIA, PROF.
Planejar sequências didáticas e atividades com base nas habilidades em defasagem apontadas pela avaliação da aprendizagem em processo
13
E.E. ELOI LACERDA, PROF.
14
E. E. ERNESTO THENN DE BARROS, PROF.
Desenvolver as habilidades não adquiridas dos anos anteriores
15
E. E. FANNY MONZONI SANTOS, PROF.
Elaborar um projeto interdisciplinar de leitura
16
E. E. FERNANDO BUONADUCE, PROF.
Organizar atividades que incentivem o hábito de leitura dos alunos
17
E. E. FRANCISCA LISBOA PERALTA, PROF.
Projeto leitura na sala de leitura, clube da leitura, competição/desafio, exposição da compreensão dos livros lidos
18
E. E. FRANCISCO CASABONA, PROF.
Articular com o educador em atpcs, práticas de aula que propiciem a clareza das atividades
19
E. E. FRANCISCO MATARAZZO SOBRINHO
Avaliando por meio de provas, trabalhos, seminários, entre outros a aprendizagem que o aluno contemplou
Provão realizado com os alunos contemplando as habilidades em defasagem
20
E. E. GABRIELA MARIA E. WIENKEM, IRMÃ
Pesquisar e divulgar os resultados de todas as avaliações externas
21
E. E. GASTÃO RAMOS, PROF.
Desenvolver no aluno a vontade de permanecer e cuidar dessa instituição chamada ESCOLA
22
E. E. GLÓRIA AZEDIA BONETTI
23
E. E. GRACILIANO RAMOS
Retomar as competências não assimiladas pelos alunos
24
E. E. GUILHERME DE OLIVEIRA GOMES, DEP.
25
E. E. HELOISA DE ASSUMPÇÃO, PROFa.
Mobilizar a equipe escolar na realização de um trabalho mais amplo de incentivo a leitura para implementar rodas de leitura
26
E. E. HORACIO QUAGLIO, PROF.
Fazer com que o aluno leia com maior frequência
27
E. E. JARDIM SANTA MARIA III
Sensibilização de pais e alunos sobre a necessidade do acompanhamento da vida escolar dos filhos/Desenvolver atividades diversificadas nos diferentes espaços pedagógicos da UE
28
E. E. JOÃO BATISTA DE BRITO, PROF.
29
E. E. JOSÉ EDSON MARTINS GOMES
Formar e capacitar os professores para o ensino da matemática utilizando diferentes metodologias
30
E. E. JOSÉ GERALDO VIEIRA
Inserir no conteúdo matemático exercícios que exijam a leitura e a interpretação
31
E. E. JOSÉ JORGE, PROF.
Rever as questões da AAP – 3º bimestre: Questões com baixo índice de acertos e conteúdos que atendam a defasagem dos alunos
32
E. E. JOSÉ LIBERATTI, PROF.
Dificuldade de leitura e interpretação de texto em Língua Portuguesa e enunciados de exercícios matemáticos
33
E. E. JOSÉ MARIA RODRIGUES LEITE, PROF.
Retomada das habilidades da AAP do 2° bimestre, com foco em diferentes estratégias nas devolutivas
34
E. E. JOSÉ RIBEIRO DE SOUZA
Estabelecer metas, planejar estratégias, acompanhar e intervir despertando no aluno o interesse em participar das aulas/Planejar aulas ilustrativas e contextualizadas, deixando claro a aplicabilidade da Matemática no dia a dia do aluno
35
E. E. JOSUÉ BENEDICTO MENDES, PROF.
Incentivar nos alunos o hábito da leitura
36
E. E. JULIA LOPES DE ALMEIDA
Desenvolver o projeto de Cursinho preparatório aos sábados
37
E. E. LEONARDO VILAS BOAS
Orientar e Conscientizar os alunos, por meio de reuniões, sobre a importância da frequência ás aulas e a realização dos trabalhos de compensação de ausências
38
E. E. LUCY ANNA LATORRE, PROFa.
Implementar um Blog de Língua Portuguesa  
39
E. E. LUIZ LUSTOSA DA SILVA, PROF.
Conduzir com materiais diferenciados o raciocínio de maneira segura e dinâmica motivando o aluno, construindo com ele a evolução de seu aprendizado em todos os momentos das dificuldades
40
E. E. MARIA AUGUSTA SIQUEIRA, PROFa.
Intensificar aulas diversificadas que abordem a linguagem literária e a relação lexical e dos recursos gráficos no seu sentido como: cafés e debates literários 

41
E. E. NEUZA DE OLIVEIRA PRÉVIDE, PROFa.
Desenvolvendo recursos visuais fixos para as salas de aula para permitir o aprendizado significativo dos conteúdos matemáticos
42
E. E. NEWTON ESPÍRITO SANTO AYRES, PROF.
Envolver os pais na realização de uma peça teatral sob a coordenação do Grêmio Estudantil, cujo tema será Abandono Intelectual
43
E. E. OGUIOMAR RUGGERI, PROF.
Elaborar plano de aula de matemática que contemplem atividades lúdicas e tecnológicas com a utilização do Currículo
44
E. E. ORLANDO GERIBOLA, PROF.
Aprimorar e fortalecer atividades interdisciplinares, aplicação de simulados com devolutivas
45
E. E. PAULO FREIRE, EDUCADOR
Elaborar exercícios com problemas para a compreensão das operações básicas de contagem
46
E. E. RICARDO GENESIO DA SILVA
Conscientizar os responsáveis com relação a sua colaboração e obrigação legal na assiduidade dos alunos, bem como providenciar recursos para compensação de ausências dos alunos com baixa frequência
47
E. E. ROSA BONFIGLIOLI
Proporcionar rodas de conversa e a partir da necessidade dos alunos, ministrar atividades que venham atender a este público alvo – alunos
48
E. E. SÃO PAULO DA CRUZ
Convocar os pais e adverti-los quanto ao dever e direito legal à educação do aluno do 9º ano do ensino fundamental anos finais
49
E. E. TARSILA DO AMARAL
Aprimorar as competências de leitura e escrita por meio da participação dos alunos na organização de uma Feira do Livro
50
E.E. TELMO COELHO FILHO, MAJOR
Elaborar projetos interdisciplinares com o objetivo de levar o aluno a contextualizar o conhecimento adquirido em sala de aula
51
E. E. VICENTE PEIXOTO, PROF.
Utilizar diferentes ferramentas para explorar alguns gêneros textuais e suas pontuações características
52
E. E. WALTER NEGRELLI
Promover um projeto de leitura